quinta-feira, 18 de outubro de 2012

A Conferencia.

Momento de Reflexão...




Convidado a fazer uma palestra sobre a crítica, o conferencista 
compareceu ate o auditório superlotado, levando uma mochila. 
Após cumprimentar os presentes, retirou os livros e a jarra d'água de sobre 
a mesa, deixando somente a toalha branca. 

Em silêncio, acendeu uma poderosa lâmpada, enfeitou a mesa com dezenas de 
pérolas e flores que trouxera na mochila. Logo após, apanhou da sacola diversos "biscuits" de grande beleza, e enfileirou-os com graça. 

Em seguida, colocou na mesa um exemplar do Novo Testamento em capa 
dourada. Depois, para o espanto de todos, colocou sobre a mesa uma pequenina lagartixa 
dentro de um frasco de vidro. 

Só então comandou a palavra, perguntando:
- Que veres aqui, meus irmãos? 

E a assembléia respondeu, em vozes discordantes: 
- Um bicho! - Um lagarto horrível! - Uma larva! - Um pequeno monstro! 

Depois de esgotadas as exclamações, respondeu-lhes: 
- Assim é o espírito da crítica destrutiva, meus amigos! Não enxergastes o 
forro de seda lirial, nem as flores, nem as pérolas, nem as preciosidades, 
nem o Novo Testamento, nem a luz faiscante que acendi. . Vistes apenas a 
diminuta lagartixa... 

E concluiu, sorridente: 
- Nada mais tenho a dizer...

3 comentários:

  1. É assim mesmo. Críticas devem vir para o bem, para o crescimento, e não para diminuir ngm...
    Beijo!
    www.seminovando.com

    ResponderExcluir
  2. Muito bom. É realmente algo em que se pensar. Tudo mundo sempre está condicionado a falar a coisa que menos se encaixa no contexto, é praticamente a idéia do preconceito. Só porque não se encaixa, chama a atenção e recebe críticas.

    bookaddictedblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário.